terça-feira, 2 de março de 2010

A Fénix

Há dias em que somos as pessoas mais apaixonadas, mais alegres, mais motivadas, mais enérgicas, mais tudo; noutros parece que nada do que nos rodeia nos apaixona, alegra ou motiva. Parece que algo dentro do nosso corpo ou mente se apodera literalmente da nossa energia, paixão e motivação.

O que me resta? Abrir a minha janela, deitar tudo fora e esperar que o amanhã traga o renascimento.

Sem comentários:

Enviar um comentário